Reforma de apartamentos pequenos: Como otimizar espaços

ENTENDER COMO OTIMIZAR OS ESPAÇOS É VITAL A OBRA DE UM APARTAMENTO PEQUENO, VOCÊ SABE QUAIS SÃO AS MELHORES FORMAS DE FAZER ISSO?

POR BRUNO SOARES

revista-dell-ambiente-a cidade de São Paulo o número de lança­men­to de aparta­men­tos pequenos cresceu sig­ni­fica­ti­va­mente. Na região cen­tral é comum encon­trar aparta­men­tos que varia entre 25 e 40m². Muitas pes­soas podem estran­har o taman­ho das unidades, con­tu­do isso é reflexo da Sociedade.

Os com­pradores que bus­cam estes empreendi­men­tos têm diver­sos inter­ess­es: morar per­to na região cen­tral e evi­tar grandes deslo­ca­men­tos, inves­ti­men­to, ou até mes­mo reduzir cus­tos – uma vez que optaram em morar soz­in­has. Os stu­dios, como são chama­dos, pos­suem diver­sas áreas comum no con­domínio, além dos tradi­cionais salão de fes­tas e pisci­nas, alguns pos­suem lavan­de­ria cole­ti­va, bici­cletário e, até mes­mo, espaços de cowork­ing.

Quan­do se adquire um imóv­el como este o pro­pri­etário deve lançar mão de alguns artifí­cios para que se ten­ha um ambi­ente agradáv­el. Na refor­ma de aparta­men­tos pequenos deve-se bus­car man­ter os ambi­entes inte­gra­dos, ten­tan­do, ao máx­i­mo cri­ar flu­idez aos espaços.

Veja 4 dicas para a reforma de apartamentos pequenos:

Dica nº 1: Evite usar muitos tipos de pisos nas áreas integradas

Quan­do usamos um úni­co tipo de reves­ti­men­to os ambi­entes ten­dem a se unir evi­tan­do frag­men­tação no aparta­men­to. Em ger­al, os pro­pri­etários optam por usar peças cerâmi­cas, tan­to pela facil­i­dade na limpeza, quan­to na fácil manutenção – pos­si­bil­i­dade de con­ta­to com água e resistên­cia a abrasão –, porém vale a pena inve­stir em peças grandes, com dimen­sões próx­i­mas ou maiores a 60 cen­tímet­ros, isso diminui o número de lin­has no piso, aju­dan­do na sen­sação de ampli­tude.

Dica nº 2: Con­trate um arquite­to

Em out­ras matérias da Revista Dell Ambi­entes falam­os da importân­cia de ter um arquite­to ou out­ro profis­sion­al da con­strução civ­il em seus pro­je­tos e para refor­ma de aparta­men­tos pequenos não seria difer­ente! Estes imóveis, jus­ta­mente por serem pequenos, pro­por­cionam um grande desafio: con­cil­iar todas as suas neces­si­dades. Imóveis com pou­cas metra­gens pre­cisam ser pre­cisos. O arquite­to vai lhe fornecer todas as infor­mações necessárias para a real­iza­ção do pro­je­to, des­de as pos­si­bil­i­dades de lay­out até a esti­ma­ti­va de gas­tos no pro­je­to.

Dica nº 3: Abuse da marce­nar­ia

Após a refor­ma de aparta­men­tos pequenos vem a hora de mobil­iar o espaço e bus­car con­for­to e iden­ti­dade para o ambi­ente. Peça ao seu arquite­to ou design­er de inte­ri­ores detal­har o pro­je­to de marce­nar­ia para aproveitar todos os espaços pos­síveis. Um detal­he bacana que você pode pedir é usar uma base de alve­nar­ia (imagem abaixo) no piso recua­do 10 cen­tímet­ros do alin­hamen­to do móv­el. Isso pro­por­ciona maior esta­bil­i­dade para o móv­el e pos­si­bili­ta armários com maior altura em ambi­entes como coz­in­has e varan­das.

Dica nº 4: Inte­gre a varan­da ao restante do aparta­men­to

Alguns empreendi­men­tos per­mitem alter­ação na facha­da do edifí­cio, pos­si­bil­i­tan­do que a varan­da seja integra­da ao imóv­el. Com a aju­da de um profis­sion­al qual­i­fi­ca­do você pode remover a por­ta que sep­a­ra a sala da área exter­na e nive­lar o piso dos dois ambi­entes. É impor­tante procu­rar uma boa empre­sa para mon­tar o fechamen­to da varan­da com vidro de for­ma estanque. Atenção, antes de pro­ced­er com esta dica veja se o seu con­domínio per­mite essas alter­ações!

Dica nº 5: Ten­ha móveis com mais de uma função

Com a redução do taman­ho dos imóveis as opções de refor­mas são lim­i­tadas, con­tu­do design­ers muito cria­tivos têm desen­volvi­do peças com múlti­plas funções que aju­dam a mod­i­ficar o ambi­ente de acor­do com a neces­si­dade do momen­to. Podem vari­ar des­de camas embu­ti­das em armários na parede, estantes deslizantes que podem se movi­men­tar nos ambi­entes crian­do novos espaços.

Projeto para você se inspirar!

Este empreendi­men­to da con­stru­to­ra Vita­con, Nova Higien­ópo­lis, apre­sen­ta aparta­men­tos diver­sos, com aparta­men­tos que vari­am des­de a minús­cu­la unidade de 10m² até a espaçosa unidade de 77m².

O pro­je­to traz diver­sos itens inter­es­santes e que com­pen­sam o pouco espaço, são eles:

  • Coz­in­ha com­par­til­ha­da: ide­al para preparar pratos mais elab­o­ra­dos numa coz­in­ha equipa­da com equipa­men­tos os equipa­men­tos de uso esporádi­cos – como forno;
  • Espaço Gourmet: para rece­ber os ami­gos com con­for­to e em um ambi­ente aconchegante;
  • Cinebar: para poder assi­s­tir um filme com alguns ami­gos;
  • Lavan­de­ria Cole­ti­va: ide­al para suprir a neces­si­dade do seu dia-a-dia e econ­o­mizar espaço no aparta­men­to.

O Nova Higien­ópo­lis ain­da traz acad­e­mia, espaço de cowork­ing e equipa­men­tos com­par­til­ha­dos. Além de todo esse leque de serviços no con­domínio está local­iza­do no coração da cidade de São Paulo, ao lado da Av. São João, entre os metrôs Marechal Deodoro e San­ta Cecília.

No vídeo da incor­po­rado­ra é pos­sív­el perce­ber que nesse caso a refor­ma de aparta­men­tos pequenos e quase zero, uma vez que o enfoque cen­tral do aparta­men­to é o uso de móveis com múlti­plas funções para aten­der as neces­si­dades do morador.