Móveis planejados – Sete motivos para aderir na sua casa

O CONFORTO E A PRATICIDADE QUE OS MÓVEIS PLANEJADOS DÃO AO AMBIENTE

POR ROBERTA CIVITARESE

Se o cômo­do é pequeno, o aparta­men­to tem uma plan­ta que não facili­ta a dis­posição dos móveis, ou sim­ples­mente você quer mel­ho­rar a orga­ni­za­ção dos ambi­entes, os móveis plane­ja­dos são grandes ali­a­dos. Quar­to, sala, coz­in­ha, ban­heiro, varan­da… para todos os espaços da casa há soluções em mobil­iário fixo. São inúmeras as empre­sas espe­cial­izadas e os mod­e­los desen­volvi­dos.

Para aten­der mel­hor às expec­ta­ti­vas, é impor­tante o con­ta­to com um profis­sion­al expe­ri­ente, que vai anal­is­ar o ambi­ente, as suas neces­si­dades e desen­volver pro­je­tos que sejam

fun­cionais, seguros, con­fortáveis e que ten­ham o esti­lo da sua casa. Uma dica é começar fazen­do pesquisas on-line, em sites espe­cial­iza­dos, que ori­en­tem sobre os tipos de mate­ri­ais que podem ser usa­dos, que mostrem difer­entes mod­e­los e seus usos no dia a dia. Uma pesquisa em show­rooms tam­bém é uma boa para se inteirar do que está sendo ofer­e­ci­do no mer­ca­do. E, claro, nes­sa pré-seleção de empre­sas, atente-se ao atendi­men­to ofer­e­ci­do pelos profis­sion­ais.

A seguir sep­a­ramos alguns difer­en­ci­ais dos móveis plane­ja­dos para você se inspi­rar:

1 – Ganho de espaço:

Móveis plane­ja­dos são feitos para durar muitos anos e aten­der de for­ma inte­gral ao ambi­ente. Eles tam­bém podem ser feitos para terem a fun­cional­i­dade adap­ta­da às neces­si­dades, como asalt mesas retráteis, por exem­p­lo, ou as camas com gaveteiros e escrivan­in­has, que ain­da podem ser usadas como sofás durante o dia…

O recur­so de pro­duzir baús, prateleiras ou com­par­ti­men­tos secre­tos em sofás, camas e out­ros móveis pode ser um grande difer­en­cial. Tornar o ambi­ente multi­u­so é deter­mi­nante para gan­har espaço, man­ter a orga­ni­za­ção e deixar o ambi­ente con­fortáv­el, espe­cial­mente em casas e aparta­men­tos pequenos.

Móveis planejados – 7 motivos para aderir

2 – Bom custo x benefício:

Adap­tar os móveis ao espaço disponív­el é bem mais fácil quan­do eles são pro­je­ta­dos de for­ma per­son­al­iza­da. E pode ser mais econômi­co tam­bém, com cus­to x bene­fí­cio mais atraente. Além dis­so, grande parte das empre­sas que atua na área facili­ta o paga­men­to, com parce­las ou descon­tos à vista.

Levan­do em con­ta que os móveis plane­ja­dos serão pro­duzi­dos com mate­ri­ais resistentes e acaba­men­tos 

bem feitos, tão cedo não será necessário um novo inves­ti­men­to no ambi­ente. Dessa for­ma, mes­mo que o val­or pago na mobília fixa seja um pouco maior, a lon­go pra­zo a econo­mia faz difer­ença.  Além dis­so, um pro­je­to grande, que inclua vários cômo­d­os, pode sig­nificar um bom descon­to no con­tra­to e um negó­cio mel­hor do que com­prar sep­a­rada­mente peças de móveis con­ven­cionais.

Móveis planejados – 7 motivos para aderir

3 – Múltiplas opções de empresas e materiais:

A decisão pela empre­sa ide­al começa com o desen­ho dos pro­je­tos e uma pesquisa de mer­ca­do com difer­entes orça­men­tos. Há grifes reno­madas, out­ras ain­da crescen­do, mas se desta­can­do no seg­men­to, e muitos arquite­tos e marceneiros dis­putan­do uma fatia da clien­tela. Con­hecer o esti­lo de cada profis­sion­al e ter refer­ên­cias sobre os seus tra­bal­hos são pon­tos impor­tantes para aux­il­iar na escol­ha.

É pre­ciso tam­bém saber a qual­i­dade da matéria-pri­ma indi­ca­da ou uti­liza­da por eles. A visi­ta aos show­rooms pro­move uma inter­ação mel­hor com o uni­ver­so dos móveis plane­ja­dos. Além de poder ver de per­to inúmeras peças e acessórios com difer­entes final­i­dades, você vai tocar, sentin­do as difer­entes tex­turas dos lam­i­na­dos de MDF (Medi­um Den­si­ty Fiber­board — Pla­ca de fibra de média den­si­dade).

Móveis planejados – 7 motivos para aderir

O acaba­men­to é out­ro que­si­to fun­da­men­tal e deve influ­en­ciar na escol­ha dos mate­ri­ais e do marceneiro. É impor­tante que o profis­sion­al que vai pro­duzir as peças ten­ha habil­i­dade para obe­de­cer aos pro­je­tos e capri­cho na final­iza­ção.

É bom ter em mente que exis­tem opções para todos os bol­sos, mas baratear nas fer­ra­gens pode não ser um bom negó­cio

 – e sai­ba que elas podem cor­re­spon­der a cer­ca de 30% do val­or do pro­je­to. Corrediças de met­al e estru­turas mais reforçadas duram mais, mas tam­bém são mais caras. Con­verse com o arquite­to e ori­ente-se sobre as opções e van­ta­gens de cada mate­r­i­al.

4 – Facilidade de negociação:

Ten­do em mãos todas as infor­mações sobre o seu pro­je­to ide­al, é hora de pedir os orça­men­tos. É indi­ca­do que se peça as esti­ma­ti­vas de cus­tos com itens iguais para cada profis­sion­al, já que uma “sim­ples” tro­ca de mate­r­i­al pode influ­en­ciar bas­tante no val­or indi­ca­do. Uma por­ta de vidro, por exem­p­lo, geral­mente é mais cara do que uma de madeira.

Com os orça­men­tos pron­tos, começa a nego­ci­ação. Quan­to maior o pro­je­to, maior a chance de descon­to ou divisão 

em parce­las, por isso, tente resolver o máx­i­mo de cômo­d­os de uma vez ao con­tratar o serviço de móveis plane­ja­dos.

Se o val­or de uma empre­sa ficou mais atra­ti­vo que o de out­ra, mas não nec­es­sari­a­mente ela tem o mel­hor atendi­men­to, você pode ten­tar nego­ciar mostran­do o orça­men­to mais baixo. Fre­quente­mente é pos­sív­el fechar bons acor­dos que sejam bené­fi­cos para os dois lados.

Móveis planejados – 7 motivos para aderir

5 – Planejamento e praticidade:

Se o seu ban­heiro é pequeno ou tem pare­des irreg­u­lares, difi­cil­mente você con­seguirá um armário que cai­ba no local e aten­da à deman­da de obje­tos que pre­cisam ser guarda­dos lá. Um pro­je­to de móveis plane­ja­dos vai otimizar o espaço, deixan­do tudo orga­ni­za­do e boni­to.

Tam­bém há inúmeras for­mas de tornar a coz­in­ha, por exem­p­lo, mais fun­cional, com o plane­ja­men­to de armários e nichos especí­fi­cos para todas as neces­si­dades. Sep­a­rar o local dos man­ti­men­tos, dos tal­heres, dos tem­per­os,

dos panos, dos vin­hos… Os pro­je­tos per­son­al­iza­dos pro­movem mais facil­i­dades para o dia a dia na casa e har­mo­nizam os ambi­entes.

A ergono­mia tam­bém é lev­a­da em con­ta. Uma pes­soa mais baixa ou uma muito alta têm neces­si­dades difer­entes para as ativi­dades domés­ti­cas e a adap­tação per­son­al­iza­da pro­move con­for­to e mel­hor cir­cu­lação nos espaços.

Móveis planejados – 7 motivos para aderir

6 – Design e estilo:

Out­ra van­tagem dos plane­ja­dos é esta: ser uma indús­tria sem­pre atu­al­iza­da e que fre­quente­mente ante­ci­pa as novi­dades. Os profis­sion­ais se man­têm lig­a­dos às tendên­cias nacionais e inter­na­cionais e aos diver­sos

reves­ti­men­tos que são lança­dos e fazem suces­so no mer­ca­do. A qual­i­dade dos mate­ri­ais, os difer­entes acessórios e acaba­men­tos ampli­am as opções dos arquite­tos e influ­en­ci­am na escol­ha do pro­je­to ide­al para a sua casa.

revista-dell-ambiente-design-estilo

7 – Tudo num só lugar

A últi­ma dica é ten­tar encon­trar, num só lugar, todos os profis­sion­ais e serviços necessários para a cri­ação e obra dos móveis plane­ja­dos. Uma boa equipe, que tra­bal­ha em sin­to­nia e ofer­ece bom 

atendi­men­to, com mate­ri­ais de qual­i­dade, tem grandes chances de desen­volver pro­je­tos bacanas, com preços jus­tos e no pra­zo que você pre­cisa.

revista-dell-ambiente-tudo-num-so-lugar

Móveis planejados – 7 motivos para aderir